quarta-feira, 6 de março de 2013

Beto sugere a Fruet que peça ajuda a Dilma


O governador Beto Richa reagiu hoje às criticas que vem recebendo por conta do corte do subsídio do transporte coletivo. Na solenidade de formaturas de policiais que vão integrar o Corpo de Bombeiros, realizada no pátio do Palácio Iguaçu, sugeriu que o prefeito Gustavo Fruet “acionasse” seus aliados em Brasília, pedindo ajuda ao governo da presidente Dilma Rousseff.
Richa reafirmou que a situação do Paraná está difícil até porque está perdendo cerca de 1 bilhão de reais de recursos federais e nem por isso – disse – “estou chorando”.
Beto repetiu o que tem dito: que foi prefeito, baixou e sustentou a tarifa do transporte “sem ajuda de ninguém”. Segundo ele, Fruet deveria fazer o mesmo até porque Curitiba – disse – tem um dos maiores orçamentos entre as Capitais brasileiras.
Sobre a declaração de Fruet, que o subsídio não é apenas para Curitiba, mas para os 13 municípios da Região Metropolitana que fazem parte da Rede Integrada, Richa afirmou que “todos os prefeitos administraram isso”. ... (Roseli Abrão)
O que o Beto Richa defendia e defende:
"A situação do transporte público no Brasil é muito grave. Os protestos desta semana, em São Paulo e no Rio de Janeiro, são uma amostra do problema", disse Beto Richa em entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira. "Muitas providências podem ser tomadas no âmbito municipal, mas uma redução significativa das tarifas de ônibus só pode ser obtida com a desoneração dos tributos federais e com o subsídio ao preço do óleo diesel."
http://www.milbus.com.br/revista_portal/revista_cont.asp?2968

1 comentários :

Atamy Agocer disse...

Muito bem Senhor Beto Richa... isso é um exemplo de humanidade, de apoio ao povo, um exemplo de Governo. Você está igual a todas as pessoas do mundo: "o que importa é o QUE ME INTERESSA". Você está saindo pior que nosso grande "amigo do povo" Requião. O Requião fez questão de mandar embora todas as empresas grandes que era capaz de gerar empregos, e fez o mesmo discurso do PT em divisão de renda, herança esta que colhemos até hoje, com a marginalidade sem igual atingida em Curitiba. O senhor Governador Richa, nada está fazendo para reconquistar empresas ou qualquer ato que sirva de incentivo a melhoramentos. Vale a pena lembrar que ajuda o Senhor pediu sim, desde quando era prefeito e agora enquanto Governador e claro, lhe deram ajuda. Se o Prefeito não compactua com os mesmos ideais políticos que o Senhor, não temos nenhuma culpa. Vou fazer igual ao Senhor: o que importa é o que ME INTERESSA, e neste exato momento, o Senhor, Sr. Governador, não me interessa em absolutamente nada.

Desde o ano passado, o senhor está pensando em ser reeleito no ano de 2014. Isso me leva a crer que política, assim como o idealismo da palavra, significa MANTER-SE NO PODER, custe o que custar. Lembre-se que ser for reeleito, coisa que pessoalmente acho improvável dada a sua pouca popularidade entre aqueles que lêem e são cultos, o Senhor continuará a colher o que está plantando.

Contudo, ainda que infelizmente, e digo isto com profunda angústia, teremos um novo "velho" governador que utilizará a máquina pública (principalmente o seu meio de comunicação, a TV Educativa) da mesma forma que utilizava enquanto no poder, para passar receitas de "ovo frito", enquanto discursava que ele, autoridade máxima de uma "ilha", governava para os pobres, professores, e que o Paraná e seu Porto eram os principais motivos de orgulho.

Curitiba é conhecida como o "meio do caminho" entre a metrópole São Paulo e as Férias de Florianópolis. Só. Somos o caminho de abastecimento, assim como num vôo que sai do Galeão rumo à França, com escala em Cabo Verde. Somos a Cabo Verde deste meio do caminho. Não me causará espanto se em breve, sequer tenhamos água potável em Curitiba, assim como acontece em Cabo Verde.

Heranças malditas de uma política maldita e malfeita. É isto que está acontecendo. Solução ? não há nenhuma solução para os próximos 500 anos. Seremos obrigados a engolir qualquer um, mesmo com uma educação péssima, falta de empresas para gerar empregos, falta de tecnologia, falta de qualificação política e pior: falta de qualidade de vida.

Mas uma coisa deve acalentar o seu coração: a maioria é a "massa burra" que continua a acreditar que um cartão de plástico escrito "bolsa Tudo" que o governo entrega no valor de pouco mais de 100 reais, ainda é melhor que levantar cedo para trabalhar.

Este cidadão, de posse deste cartão, é capaz de fazer duas coisas: reeleger os senhores do governo e matar pessoas nas ruas para conseguir um caixa 2 para o sustento de suas famílias.

Se pensarmos bem, este cidadão faz as mesmas duas coisas que qualquer político faz, mas em condições um pouco diferentes.

É triste e lamentável dizer isso. A verdade dói mais em mim, que sem perspectiva, fico dentro da mesma barca de Noé, sendo levado pela correnteza política.

Parabéns Senhor Governador. O Senhor provou que é realmente UM POLÍTICO comum, igual a todos os outros políticos comuns deste país. Não reclame quando os empresários manipularem números nos balancetes de suas empresas. Afinal, aprendemos com a política de brinquedo, a brincar também.

É graças ao jogo sujo de seus pares, que enchem cuecas de dinheiro do meu bolso, que hoje tenho 1/4 de empregados que deveria ter. Os meus empregados não tem culpa. Eu infelizmente não tenho culpa. O Estado joga contra, e o Senhor faz parte deste Estado.

Parabéns Sr. Governador. Continue-nos a ensinar.

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | belt buckles