domingo, 12 de fevereiro de 2012

Garibaldis e Sacis, alegria do povo, ao som da marchinha Bandeira Branca retorna ao Largo da Ordem para o último desfile

Repetindo 2010 “Bandeira branca, eu peço paz”. O verso da conhecida marchinha de carnaval hoje virou o tema da última apresentação deste ano do bloco pré-carnavalesco Garibaldis e Sacis, no Largo da Ordem,no Centro Histórico de Curitiba. Para celebrar o clima de paz, grande parte dos foliões optou por ir ao tradicional carnaval com pelo menos uma peça de roupa branca. Integrantes da organização do Garibaldis e Sacis distribuíram adesivos aludindo à paz.

2010:

Tristeza em Londrina: Incêndio consome edifício do Cine Teatro Ouro Verde

Foto do Naym Libos

Que triste essa notícia do incêndio no Cine Teatro Ouro Verde. É um patrimônio histórico de Londrina e Norte do Paraná.

Vamos torcer para que ao menos parte de seu importante acervo seja recuperado.

Profundamente lamentável!!!


Alguns moradores que visualizaram o início do incêndio conseguiram adentrar no espaço para salvar arquivos do Cine Teatro. Ainda não se sabe onde começaram as chamas, que se espalharam rapidamente.

Por segurança, a Copel informou que desligará a rede de energia no centro da cidade por tempo indeterminado, principalmente na avenida Paraná. Os moradores dos edifícios vizinhos saíram rapidamente, porém, alguns estão presos nos elevadores devido à falta de energia.

Há muita aglomeração de curiosos no local e o trânsito no arredor está congestionado pelo fato de populares pararem seus veículos para fotograr as labaredas que chegaram a mais de cinco metros.

OURO VERDE - O prédio do Cine Teatro, o maior de Londrina, foi inaugurado no dia 24 de dezembro de 1952 e é tombado, enquanto a cidade vivia o auge da exploração cafeeira, daí o nome Ouro Verde. O projeto foi realizado pelo arquiteto Villanova Artigas, contando inicialmente com 1500 lugares.

Em 1978, o Cine Ouro Verde foi adquirido pela Universidade Estadual de Londrina e seu nome foi mudado para Cine Teatro Universitário Ouro Verde, mas o nome antigo continua a ser mais utilizado. (FL)


Julgamento do mensalão deve começar em maio

O julgamento do processo do mensalão transformou-se numa corrida contra o relógio. Com receio da má repercussão que a eventual prescrição dos crimes provocaria, o STF aperta o passo. Um dos ministros que compõem o Supremo, ex-presidente do tribunal, disse que o caso deve ser submetido à apreciação do plenário ainda no primeiro semestre de 2012, provavelmente em maio.

Será o mais rumoroso, intrincado e longo julgamento do STF nos seus 122 anos de existência. Há 38 réus por julgar. Estima-se que, entre o primeiro e o último, os ministros levarão de 30 a 40 dias para concluir todos os veredictos. A tramitação dos autos ganhou novo ritmo no final do ano passado, após entrevista de Ricardo Lewandowski ao repórter Fernando Rodrigues.

Ministro revisor, cabe a Lewandowaki passar um pente fino no voto de Joaquim Barbosa, o ministro relator. Só depois de liberado por ele o processo pode ser submetido ao plenário. Na entrevista, realizada em 14 de dezembro do ano passado, Lewandowaki insinuara que o julgamento poderia escorregar para 2013:

“Terei que fazer um voto paralelo ao voto do ministro Joaquim. São mais de 130 volumes. São mais de 600 páginas de depoimentos. Quando eu receber o processo, vou começar do zero. Tenho que ler volume por volume porque não posso condenar um cidadão sem ler as provas.”

Pior: o ministro reconhecera explicitamente que a demora poderia levar à impunidade, ainda que parcial: “…Com relação a alguns crimes não há dúvida nenhuma que poderá ocorrer a prescrição.” É o caso, por exemplo, do crime de formação de quadrilha, imputado a vários réus –entre eles José Dirceu, ex-chefe da Casa Civil de Lula.

Nesse tipo de crime, se o réu fizer jus à pena mínima (um ano de reclusão), a prescrição ocorre em quatro anos. Como a denúncia do mensalão foi convertida em ação penal pelo STF no mês de agosto de 2007, o prazo expirou em 2011. Quer dizer: a menos que os ministros concluam que a pena deve exceder o mínimo previsto em lei, a punição já seria inviável.

Entre preocupado e irritado com as declarações de Lewandowski, o presidente do Supremo, ministro Cezar Peluso, apressou-se em enviar um ofício ao gabinete do relator Joaquim. No texto, ele requereu uma providência óbvia: que o processo fosse enviado, em meio digital, a todos os ministros do tribunal.

Isso “facilitará o árduo trabalho de elaboração dos votos e evitará riscos inerentes à inevitável delonga do processo”, justificou-se Peluso. Além de abrir as mais de 55 mil páginas da ação penal aos colegas, Joaquim enviou seu relatório final ao revisor Lewandowski. Deu-se cinco dias antes do Natal. A peça tem 122 folhas. (Josias de Souza)

Rede Globo sendo expulsa de Copacabana pelo povo

Curitiba: A parte rebelada do PT, contando com grande apoio da base, não engole a aliança com Fruet e vai a luta na defesa da candidatura própria

Vamos à luta pra vencer o Encontro Municipal e garantir a candidatura própria do PT em Curitiba


A Executiva Municipal do PT de Curitiba aprovou o calendário sobre o encontro de tática eleitoral . Este encontro decidirá se o PT de Curitiba terá candidato próprio ou apoiará candidato de outro partido.

Mesmo questionando a validade deste processo (encaminharemos recurso às instâncias superiores), pois não existe nenhuma solicitação de apoio a outro partido, nós que apoiamos a tese da candidatura própria vamos construir uma chapa para obter a maioria dos votos dos filiados para este encontro, garantindo assim uma candidatura petista para disputar, pra valer, a Prefeitura de Curitiba com os tucanos e seus agregados.

Já temos na composição da chapa que defende a candidatura própria os pré-candidatos a Prefeito pelo PT Tadeu Veneri e Dr. Rosinha, às correntes da esquerda petista da capital além de companheiros que se mostram insatisfeitos com a possibilidade de o PT não ter candidato próprio em nossa cidade.

Estaremos chamando uma reunião nos próximos dias e contamos com sua participação e disposição para compor nossa chapa e vencer este processo.

Calendário aprovado pela executiva municipal:

1 de março - reunião do Diretório Municipal
19 à 31 de março – prazo para inscrição de chapas ao encontro de tática eleitoral
15 de abril – eleição das chapas de delegados ao encontro de tática eleitoral
27 e 28 de abril – encontro de definição de tática eleitoral

“Não me entrego sem lutar
Tenho ainda coração
Não aprendi a me render
Que caia o inimigo então”
(Renato Russo)

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | belt buckles