domingo, 13 de novembro de 2011

ABAIXO ASSINADO: 2 dias para salvar nossas crianças das bombas de fragmentação

473,310 assinaram. Ajude-nos a chegar a 500,000

Postado: 9 novembro 2011
Ahmad pegou um objeto de metal brilhante em um parque onde ele estava comemorando seu 5o aniversário no Líbano. Era uma bomba não detonada, que explodiu em seu rosto, matando-o lentamente na frente de sua família.

Três anos atrás, a pressão pública conseguiu impor uma proibição a essas cruéis bombas. Mas agora os EUA estão fazendo lobby com outras nações para que eles silenciosamente assinem uma nova lei que permita a utilização das bombas de fragmentação - assinar a sentença de morte de milhares de outras crianças. A maioria dos países ainda estão em cima do muro sobre como votar. Somente se dispararmos o alarme em todo o mundo poderemos envergonhar nossos governos para impedir que esta decisão mortal seja tomada.

Posições estão sendo tomadas agora. Temos apenas 2 dias até que os países se reúnam para enviar aos nossos líderes uma mensagem clara: defendam a proibição das bombas de fragmentação e mantenham nossas crianças a salvo. Assine a petição - que será entregue diretamente aos delegados na conferência de Genebra.

Aos Chefes de Estado em todo o mundo

Como cidadãos preocupados apelamos a você para fazer tudo em seu poder para parar as bombas de fragmentação de serem utilizadas. Mais de 100 governos concordaram em proibir essas armas indiscriminadas. A Convenção sobre Certas Armas Convencionais que acontecerá nos próximos dias deveria concordar com essa proibição, garantindo que munições de fragmentação sejam proibidas de forma abrangente e crianças inocentes protegidas.

Documentário "Fantasmas da Ditadura"

Crime ecológico: Multinacional Chevron mobiliza equipe global para conter vazamento

A petrolífera Chevron continua adotando medidas para combater o vazamento e a mancha de óleo nas proximidades do Campo Frade, operado pela empresa e situado a 370 quilômetros da costa do Rio de Janeiro. O vazamento começou na última quarta-feira, e a mancha está a 120 quilômetros da costa.

A Chevron mobilizou sua equipe global de resposta a emergências ambientais para dar suporte à operação e está coordenando uma frota de 17 navios de apoio, da empresa e cedidos por companhias do setor que atuam na Bacia de Campos, para trabalhar na operação de controle da mancha.

As investigações sobre as causas dos vazamentos e da mancha continuam. As atividades de perfuração no Frade continuam paralisadas. As atividades de produção, que não estão relacionadas com o vazamento, foram mantidas. (AE)

Violência no Rio: Só a ação policial resolve?

PT CURITIBANO RACHADO MARCHA RUMO A CANDIDATURA PRÓPRIA


Enquanto o grupo capitaneado pelo ministro Paulo Bernardo e esposa tenta empurrar goela abaixo do petismo militante a candidatura do ex-desafeto Gustavo Fruet, o deputado Tadeu Veneri vai promover, no dia 21 de novembro, um ato em defesa da candidatura própria do PT à prefeitura de Curitiba, nas eleições municipais do próximo ano. Ele e o deputado federal Dr. Rosinha se aliam nesta difícil, mas não impossível tarefa partidária, já que grande parte das bases e quadros não estão satisfeitos com os rumos do partido e com os escândalos.

Será às 19 horas, na sede do diretório estadual, à alameda Princesa Isabel, 160.

Pré-candidato à prefeitura de Curitiba, Veneri vai lançar o manifesto em defesa da apresentação de “um projeto genuinamente petista na disputa eleitoral de 2012”.

O deputado acredita que a candidatura própria tem as condições necessárias para unificar o PT.

– Defendo candidatura própria do PT à prefeitura de Curitiba como a única forma de mobilizar o maior patrimônio do partido, a sua militância. Somente com candidatura própria podemos empolgar os filiados e militantes do partido a sair às ruas construindo um programa que, de fato, seja alternativa ao modelo vigente há mais de 40 anos em nossa cidade, disse Veneri.


O desmoralizado mensaleiro Dirceu critica "luta moralista contra corrupção"


José Dirceu, o desmoralizado "general" do petismo meliante, não confunda com o militante, pois no PT ainda tem muita gente séria, ex-ministro da Casa Civil, deputado cassado e réu no processo do mensalão , hoje discursando para uma platéia de militantes no 2º Congresso da Juventude do PT, em Brasília, criticou o que chamou de "luta moralista contra a corrupção". Este assunto, corrupção, o incomoda!

Ele foi homenageado pelos organizadores com uma camiseta em que aparece sua imagem, a frase "contra o golpe das elites" e a palavra "inocente". Inocente ele não é e das elites políticas e econômicas hoje ele faz parte.

"Viva a oligarquia patrimonialista brasileira!"


Notícias: Vestibular UFPR 2011


Vestibular da UFPR – divulgada proporção de candidato por vaga

Nesta segunda-feira 24O, o Núcleo de Concurso da Universidade Federal do Paraná (UFR) divulgou a proporção de candidatos pro vaga para o processo seletivo de vestibular de 2010. O curso mais procurado pelos candidatados foi o de medicina, com 45,6 candidatos por vaga. Na sequencia ficaram os cursos de publicidade, com 26,3 candidatos pro vaga, arquitetura e urbanismo com 25,1 candidatos por vaga, biomedicina com 21,8 candidatos pro vaga, direito diurno com 21,7 candidatos por vaga, jornalismo com 19,7 candidatos por vaga, direito noturno com 17,1 candidatos por vaga, psicologia com 16,9 candidatos por vaga, design gráfica com 16,8 candidatos vaga e medicina veterinária com 15,3 candidatos por vaga.

A lista completa da proporção com o total de candidatos esta disponível para download na página eletrônica do Núcleo.

Para a edição 201 do processo seletivo, a instituição recebeu 50.056 candidatos que concorrem as 5.087 vagas oferecidas. Também foram registrados 2,1 mil candidatos treineiros. O processo ainda contempla 529 vagas que são destinadas para o Sistema de Seleção Unificada (SiSU), oferecido pelo ministério da Educação. Ao todo, a instituição oferece 5.616 vagas para as 96 opções de cursos de graduação.

A primeira etapa do processo seletivo acontece no dia 13 e novembro. A mesma prova seleciona os candidato inscritos no concurso de formação de oficias da Polícia Militar e também do corpo de Bombeiros.

Vestibular da UFPR tem 5.068 faltosos

O reitor da Universidade Federal do Paraná (UFPR) Zaki Akel Sobrinho informou que 5.068 candidatos faltaram na primeira fase do vestibular da instituição realizado neste domingo (13). O número corresponde a aproximadamente 10% dos inscritos e, segundo ele, está dentro do normal. No ano passado, 3.764 pessoas faltaram às provas, uma abstenção de 8,6%. "O fato de o vestibular coincidir com o feriado aumenta um pouco o número de faltantes, mas não havia outra data para realizarmos, em função do Enem", explica.

Apesar dos cuidados com a segurança, Akel Sobrinho disse ainda que quatro candidatos foram eliminados por tentar usar o celular durante a prova. As informações foram dadas em coletiva de imprensa realizada nesta tarde, às 16 horas, no câmpus Agrárias da instituição.

De acordo com o reitor, contando só a cidade de Curitiba, este foi o centésimo e maior processo seletivo da instituição, com cerca de 50 mil candidatos. O reitor também agradeceu aos mais de 3.800 colaboradores responsáveis pela preparação e realização da prova, entre eles a Polícia Militar e a Diretran. O resultadoda primeira fase sairá até o dia 30 de novembro e devem ser aprovadas de 16 a 17 mil pessoas para a segunda fase, que vai ser realizada nos dias 11 e 12 de dezembro.

Sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o reitor reforçou que a UFPR vai utilizar 10% da nota da avaliação no resultado final. A universidade espera que o Ministério da Educação divulgue o resultado até 4 de janeiro. "Assim, nos dias 6 e 7 já devem abrir as inscrições para o Sisu [Sistema de Seleção Unificada], que oferece 529 vagas", ressalta. O resultado final do processo seletivo 2011/2012, que oferta 5.087 vagas, deve ser divulgado no início de janeiro, dependendo do cumprimento do prazo de divulgação do Enem.

O gabarito provisório das questões deve ser divulgado até as 21 horas deste domingo no site da instituição e no site da Vida na Universidade, da Gazeta do Povo.

Vestibular da UFPR transcorre sem problemas; provas seguem até as 19h

A primeira fase do vestibular da Universidade Federal do Paraná (UFPR) transcorre tranquilo. Os primeiros alunos que saíram da prova no câmpus da PUCPR acharam "complicadas" as provas de Química e Física. A avaliação começou às 14 horas deste domingo (13) e segue até as 19 horas. Ao todo, 50 mil candidatos fazem 80 questões objetivas de múltipla escolha, sendo nove questões de Matemática, Física, Química, Biologia, Geografia e história; oito de Língua estrangeira; e 18 de Língua portuguesa (nove de compreensão de texto e nove relacionadas ao conteúdo de Literatura Brasileira e de uso da língua).

Os candidatos enfrentaram trânsito lento em vários pontos da cidade. O principal deles foi na Avenida Cândido de Abreu por causa da Parada da Diversidade que começou às 13 horas.

Este ano a UFPR recebeu 14,18% mais inscrições para o vestibular em relação ao ano passado. No total, 50.056 pessoas confirmaram a participação no processo seletivo, seis mil a mais em relação ao ano passado, quando o concurso teve 43.903 concorrentes. O registro é o maior desde 2004.

Atrasados

Guilherme Borges Silva, 21 anos, chegou seis minutos atrasado e perdeu a oportunidade de tentar uma vaga de Engenharia Civil. Ele não explicou porque não conseguiu chegar a tempo. “Não estava muito preocupado com o vestibular da UFPR, porque já passei na PUCPR”, afirmou. “Lamento só os R$80 perdidos na inscrição”, completou.

Pais

A espera vai ser longa para os pais que decidiram aguardar os filhos em frente dos locais de prova. Lucir Barbosa Barbiero, por exemplo, afirma que para ela é melhor permanecer em frente às salas de aula do que ficar em casa. “O coração está junto da minha filha”, diz Lucir, que estava bastante emocionada. Ela aguarda no câmpus Agrárias da UFPR o término da prova da filha Geórgia, de 17 anos, que está tentando passar no curso de Odontologia.

Já Neide Tovhopiaty veio de União da Vitória com toda a família para acompanhar a filha Lehana Sleith, de 19 anos, e também estará no câmpus Agrárias até a conclusão do exame da filha. “Estou mais nervosa do que ela, mas confiante de que dará tudo certo”, comentou.

Na PUCPR, o casal de bancários César Caramuru Carneiro Neto e Selma França Carneiro, espera a filha Raquel, de 18 anos, que tenta pela primeira vez uma vaga para o curso de Engenharia Civil. “Raquel disse que estava muito nervosa e eu respondi que eu estaria mais preocupado se ela estivesse tranquila”, brincou César. “Ela está bem preparada, acho que vai passar”, concluiu.

Expectativa

A banda Medbloco, do Curso de Medicina da Universidade Federal do Paraná (UFPR), preparou uma apresentação especial para os candidatos desta primeira fase do vestibular da instituição. O grupo se instalou em frente ao câmpus da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), onde mais de 10 mil pessoas participam do processo seletivo. A maioria dos candidatos aproveitou para dançar e relaxar com as músicas.

“Eu dancei para desestressar”, diz a estudante Ruth Bianca Von Krüger, 18 anos, que tenta uma vaga de Medicina. “É a terceira vez que estou tentando o vestibular e tenho mais medo da prova de Matemática e de Física, mas estou confiante”, afirma. O trânsito perto da PUCPR continua lento, mas fluindo bem.

Gabarito

A UFPR oferece 5.616 vagas em 96 cursos de graduação – 5.087 serão preenchidas com o vestibular e 529 pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSu). O gabarito provisório das questões deve ser divulgado até as 21 horas deste domingo. O resultado com os aprovados na primeira fase será conhecido até 30 de novembro.


Alunos dizem que provas de Química e Física estavam “complicadas”

Os estudantes que concluíram a primeira fase do vestibular da UFPR consideraram as provas de Química e Física bastante complicadas. “A prova de Química estava realmente difícil. Já a de inglês estava bem fácil”, acredita Bruna Carolina Coelho, de 18 anos. Ela diz estar bastante confiante para a vaga de Medicina e saiu às 15h35, cinco minutos depois do permitido pelos organizadores do exame.

Alyson Bordin, 18 anos, achou trabalhosa a prova de Física. “Estava bem complicadinha. Mas acho que vou passar assim mesmo”, afirmou. Bordin tenta o vestibular pela primeira vez para o curso de Engenharia Civil. “As provas de Geografia e História, por outro lado, temas que não são o meu forte, estavam bem fáceis e consegui fazer sem problemas”, comemorou.

Gabarito A UFPR oferece 5.616 vagas em 96 cursos de graduação – 5.087 serão preenchidas com o vestibular e 529 pelo Sistema de Seleção Unificada (SiSu). O gabarito provisório das questões deve ser divulgado até as 21 horas deste domingo. O resultado com os aprovados na primeira fase será conhecido até 30 de novembro. (GP)

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | belt buckles