sábado, 23 de fevereiro de 2013

Consumo de bebida alcoólica está ligado a 21% dos acidentes de trânsito

O consumo de bebida alcoólica está relacionado a 21% dos acidentes de trânsito e a 49% do total de agressões, como brigas e violências, segundo estudo do Ministério da Saúde realizado em 71 hospitais de todo o Brasil. Os dados fazem parte do VIVA, Vigilância de violências e acidentes,  que mostrou também que o consumo de álcool tem forte impacto nos atendimentos de urgência e emergência do SUS. Segundo o levantamento, uma em cada cinco vítimas de trânsito atendidas nos prontos-socorros brasileiros ingeriram bebida alcoólica. As principais vítimas são homens com idade entre 20 e 39 anos. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, reforçou a importância de obter informações qualificadas em saúde para que as ações de prevenção e de intervenção sejam cada vez mais eficientes.

Para apoiar estados e municípios na orientação a motoristas sobre o risco da combinação entre álcool e direção, o Ministério da Saúde desenvolve o Projeto Vida no Trânsito. Uma das ações do projeto é a qualificação dos sistemas de informação sobre acidentes, feridos e vítimas fatais. Com o banco de dados atualizado, os gestores de saúde podem identificar os fatores de risco e os grupos de vítimas mais vulneráveis nos municípios, assim como os locais onde o risco de acidente é maior. Ao todo já foram repassados 25 milhões de reais para todo o País investir em ações do programa.



PERIGO!!!

Consumo e produção de bebidas alcoólicas no Brasil:  


Cachaça

A aguardente de cana é a terceira bebiba destilada mais consumida no mundo e a primeira no Brasil. Segundo o Programa Brasileiro de Desenvolvimento da Aguardente de Cana, Caninha ou Cachaça (PBDAC), a produção é em torno de 1,3 bilhão de litros por ano, sendo que cerca de 75% desse total é proveniente da fabricação industrial e 25%, da forma artesanal.

O Brasil consome quase toda a produção de cachaça; por volta de 1% a 2 %, apenas, é exportado (2,5 milhões de litros).

Cerveja

 O Brasil produz a média de 12 bilhões de litros de cerveja ao ano, sendo o terceiro pais produtor consumidor.
A produção brasileira de cerveja agora só perde para a da China, com 35 bilhões de litros, e para a dos Estados Unidos, com cerca de 24 bilhões de litros.

Outras

Se levarmos em conta a importação, produção e o consumo das outras bebidas (vodca, vinho, conhaque, etc.) estes números ficam ainda mais assustadores.



1 comentários :

rafael rafinhaa disse...

por que os motoristas dos carros não perdem a vergonha na cara e parar de beber e parar de tirar as vidas das pessoas

Postar um comentário

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | belt buckles